Blog
O que deve saber sobre o mercado imobiliário
Blog
voltar \ Prestação da casa desce em agosto para Euribor a 3 e 6 meses - e há novo um mínimo histórico

Prestação da casa desce em agosto para Euribor a 3 e 6 meses - e há novo um mínimo histórico

05 ago 2020
Prestação da casa desce em agosto para Euribor a 3 e 6 meses - e há novo um mínimo histórico
Os créditos associados à Euribor a três meses verão a prestação baixar 2,73%. Os encargos mensais baixam cerca de 8,5 euros, fixando-se nos 301,65 euros. Fonte: Idealista News

Agosto traz boas notícias para quem pediu dinheiro emprestado ao banco para comprar casa. A maioria das famílias vai sentir um alívio com os encargos da prestação, nomeadamente os clientes com crédito à habitação indexado às taxas Euribor a três e a seis meses, que vão cair 2,73% e  0,72%, respetivamente. A Euribor a três meses regista, de resto, aquela que é a maior queda em quase oito anos, atingindo um mínimo histórico. Já nos créditos a 12 meses os encargos ficam quase inalterados.

Um cliente com um empréstimo no valor de 100 mil euros a 30 anos, indexado à Euribor a três meses com um spread de 1%, verá a prestação baixar 2,73%, segundo os cálculos feitos pelo jornal ECO. Na prática, os encargos mensais baixam cerca de 8,5 euros face à prestação fixada há três meses, para se fixarem nos 301,65 euros.

No caso de um financiamento nas mesmas condições, mas indexado à taxa Euribor a seis meses, o cliente passará a pagar 305,99 euros de prestação da casa, isto é, menos 72 cêntimos. Relativamente à Euribor a 12 meses, e perante o mesmo cenário, o valor da prestação fica quase inalterado (+0,1%), próximo dos 309 euros.

Veja Também